nav-logo
Compartilhe

    Cancro mole: conheça a doença, formas de transmissão e tratamento

    Infecção sexualmente transmissível é causada por bactéria e pode ser curada com antibióticos

    Por Danielle SanchesPublicado em 06/02/2024, às 12:53 - Atualizado em 06/02/2024, às 18:06

    Cancro mole

    O cancro mole ou úlcera venérea é uma IST (infecção sexualmente transmissível) causada por uma bactéria que provoca uma lesão muito dolorosa no órgão genital (masculino ou feminino). Continue a leitura para conhecer melhor os sintomas, formas de transmissão e tratamentos.  

    O que é cancro mole? 

    Cancro mole é uma IST (infecção sexualmente transmissível) provocada pela bactéria Haemophilus ducreyi. A doença gera uma ferida no órgão genital (pênis ou vagina) com secreção altamente contagiosa. 

    Agendar consulta on-line

    Como ocorre a transmissão? 

    A transmissão ocorre principalmente por meio do contato da secreção presente a úlcera com a mucosa dos órgãos genitais, geralmente por durante a relação sexual. 

    Quais são os sintomas de cancro mole? 

    Os sintomas do cancro mole geralmente surgem de 3 a 10 dias após a exposição à bactéria. Eles incluem: 

    • Úlcera extremamente dolorosa, com sangramento fácil nos órgãos genitais; 
    • Presença de secreção amarelo-esverdeada.

    Como é feito o diagnóstico? 

    O diagnóstico do cancro mole é feito por meio de exame físico, coleta de secreção da úlcera e cultura em laboratório para detectar ou não a presença da bactéria.  

    Cancro mole tem cura? 

    Sim. Como qualquer infecção bacteriana, o cancro mole é tratado com antibióticos e o paciente se recupera plenamente.   

    Leia mais: quando é a hora de fazer um check-up da saúde?   

    Como é feito o tratamento para cancro mole? 

    O cancro mole é tratado com antibióticos como azitromicina, ceftriaxona, ciprofloxacino ou eritromicina.  

    É importante destacar que outras medidas de prevenção devem ser aplicadas, como o uso de preservativos nos atos sexuais.  

    Qual médico procurar? 

    O cancro mole é mais comum em homens, que devem procurar o urologista ou o infectologista para tratamento. Já as mulheres, se suspeitarem da infecção, devem buscar ajuda do ginecologista ou do infectologista.  

    Agendar consulta on-line

     

    Fonte: Dr. Marcus Vinícius Barbosa de Paula, uroginecologista e coordenador do NCISM (Núcleo de Cuidado Integral à Saúde da Mulher) do Hospital e Maternidade Brasília. 

    Encontrou a informação que procurava?
    nav-banner

    Veja também