nav-logo
Compartilhe

    Protetor solar: o que é, como funciona e jeito certo de passar

    Utilizar um filtro com bom FPS, aplicar a quantidade adequada e reaplicá-la periodicamente são passos essenciais para se proteger do sol

    Fonte: Dra. Silvia NobreMédica dermatologista Publicado em 22/12/2023, às 18:08 - Atualizado em 26/12/2023, às 09:34

    protetor solar

    O protetor solar é uma das melhores formas de se proteger do sol. É fundamental que esse produto seja utilizado em situações de exposição solar, como: 

    • Trabalhar ao ar livre; 
    • Ir a parques; 
    • Fazer caminhadas ao ar livre; 
    • Ir à praia; 
    • Ir à piscina. 

    Por que é importante proteger a pele?  

    Proteger a pele contra os raios solares é importante por vários motivos, sendo o principal deles a prevenção do câncer de pele. O melanoma em idosos, o carcinoma basocelular e o carcinoma espinocelular têm, comprovadamente, relação com a exposição crônica e excessiva à luz solar. 

    Agendar consulta on-line

    Também é importante evitar a exposição intensa ao sol porque ela leva ao envelhecimento precoce da pele, contribuindo para o aparecimento de manchas e rugas e para a perda de elasticidade cutânea. 

    Além disso, há casos específicos em que a exposição solar piora doenças de pele. Os pacientes com melasma ou lúpus eritmatoso, por exemplo, devem ter um cuidado especial mesmo com exposições mínimas ao sol. 

    Mas vale dizer que, apesar de a exposição excessiva ao sol ser prejudicial ao organismo, a exposição moderada é importante para a saúde. A luz solar auxilia na produção de vitamina D e pode melhorar algumas doenças de pele (como psoríase, dermatite seborreica e determinados tipos de eczema). 

    Ou seja, a exposição solar pode ocorrer, desde que seja feita de forma moderada e responsável, sem exageros. 

    Como o protetor solar funciona?  

    Existem, basicamente, dois tipos de protetor solar: o físico e o químico. O protetor solar físico reflete os raios solares como se fosse um espelho, impedindo que eles penetrem na pele. 

    Já o protetor solar químico não reflete os raios, mas os absorve, reage com eles e evita que penetrem e danifiquem a pele. 

    O que é FPS do protetor solar?  

    FPS significa fator de proteção solar. Essa é uma medida que indica por quanto tempo o filtro protege a pele da radiação ultravioleta B, sem que o indivíduo fique vermelho e queimado. 

    Qual é a diferença entre protetor solar fator 15, 30 e 50?  

    O FPS 15 bloqueia os raios UVB por um período 15 vezes maior do que se a pessoa estivesse sem filtro. O FPS 30, por um período 30 vezes maior. O FPS 50, por um período 50 vezes maior. 

    Cada pessoa tem um tempo específico para ficar queimada. Quanto mais clara for a pele, mais rápido ela se queima – precisando, portanto, de um FPS mais alto para se expor ao sol por mais tempo. 

    LEIA TAMBÉM: Insolação: sintomas, causas e tratamento 

    Pensando de maneira simples, o cálculo pode ser feito assim: se você, quando não passa filtro solar, costuma ficar vermelho após cinco minutos no sol, um bom protetor com FPS 30 pode te permitir ficar cerca de duas horas e meia no sol (30 x 5 minutos) sem se queimar. 

    Vale ressaltar que, para garantir a eficácia do filtro solar, é preciso aplicá-lo na quantidade adequada e reaplicá-lo durante o dia. 

    Qual é a forma correta de passar protetor solar no rosto?  

    Para o rosto, uma quantidade aproximada de uma colher de chá de protetor solar geralmente é suficiente para cobrir toda a área. 

    Qual é a forma correta de passar protetor solar no corpo?  

    Para o corpo, é recomendado aplicar cerca de duas a três colheres de sopa de protetor solar para cobrir completamente todas as áreas expostas. 

    Depois de quanto tempo é necessário reaplicar o filtro solar?  

    O correto é reaplicar o filtro solar a cada duas horas, pois a eficácia do produto diminui ao longo do tempo. 

    Além disso, é necessário passar novamente o protetor depois de nadar, suar excessivamente ou secar-se com uma toalha. 

    Protetor solar infantil: qual é a diferença?  

    Em geral, o protetor solar infantil é mais suave, apresentando uma fórmula sem fragrâncias, corantes e outros ingredientes potencialmente irritantes. A proteção também costuma ser mais elevada, com um FPS de pelo menos 30. 

    Qual é o melhor protetor solar para pele oleosa?  

    No caso de pessoas com pele oleosa, o mais indicado é optar por um protetor solar que seja oil-free (livre de óleo) e não comedogênico (que não cause cravos). 

    Os filtros que são descritos como matificantes, toque seco, gel ou gel creme também tendem a funcionar bem para esse tipo de pele. 

    Consulta online com dermatologista no Nav  

    O médico dermatologista é capaz de avaliar diversas alterações na pele, como vermelhidão, inchaços, crostas e pintas. Para agendar uma consulta online com esse especialista, basta acessar o Nav. 

    Agendar consulta on-line

    Encontrou a informação que procurava?
    nav-banner

    Veja também