nav-logo
Compartilhe

    Vacina HPV: tudo que você precisa saber

    Imunizante é fundamental para diminuir os riscos de câncer de colo de útero; saiba mais

    Fonte: Dra. Maria Isabel de Moraes PintoInfectopediatra  e médica consultora em vacinas da DasaPublicado em 22/08/2022, às 15:13 - Atualizado em 27/05/2024, às 09:56

    Vacina HPV

    Agendar vacina

    Com mais de 200 tipos diferentes, o HPV (sigla em inglês para Papilomavírus Humano) é um vírus capaz de infectar a pele e também as mucosas oral, genital ou anal das pessoas. Ele pode causar desde verrugas até câncer, dependendo do subtipo do vírus.

    A boa notícia é que existem vacinas eficazes contra a doença aprovadas pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), que se encontra disponível tanto no SUS (Sistema Único de Saúde) quanto na rede privada.

    “Sabemos que hoje, mais de 95% dos casos de câncer de colo de útero são gerados pela infecção persistente do HPV. Por isso, a vacina é fundamental, uma vez que sua intenção é reduzir as chances de infecção pelo vírus”, explica Mariana Scaranti, oncologista especialista em tumores ginecológicos do Hospital Nove de Julho.

    Mas quem tem que tomar a vacina? Quantas doses? A partir de qual idade? Veja a seguir respostas para algumas das dúvidas mais comuns sobre o HPV.

    Qual é a vacina HPV e pra que serve?

    Existem duas vacinas contra HPV aprovadas pela Anvisa: a vacina HPV quadrivalente e a vacina HPV nonavalente.

    A vacina quadrivalente faz a cobertura para quatro tipos de HPV virais: 6, 11,16 e 18.

    Os subtipos 6 e 11 são os que causam as verrugas genitais, tanto em homens quanto em mulheres. Já os subtipos 16 e 18, são os relacionados ao desenvolvimento do câncer de colo de útero, vagina, vulva, pênis e câncer de canal anal.

    A vacina é eficaz para prevenir lesões genitais pré-cancerosas de colo do útero, vulva e vagina em mulheres. Além disso, reduz o risco de verrugas genitais em mulheres e homens, relacionados ao HPV 6 e 11.

    Agendar vacina

    Vacina HPN Nonavalente

    A vacina HPV nonavalente está disponível apenas na rede privada e protege contra nove tipos de HPV que podem causar infecções persistentes, lesões pré-cancerosas ou displásicas e diferentes tipos de câncer. São eles: HPV 6, 11, 16, 18, 31, 33, 45, 52 e 58.

    É importante ressaltar que as vacinas não são feitas com vírus vivo, e sim de proteínas das superfícies do vírus. Portanto, não é capaz de causar infecção nos pacientes.

    Ver o preço da vacina

    Quem tem que tomar a vacina HPV?

    HPV

    De acordo com o calendário do Ministério da Saúde, a vacina HPV está disponível na rede pública para:

    • Meninas e meninos de 9 a 14 anos
    • Homens e mulheres que convivem com HIV/AIDS, submetidos a transplantes de órgãos sólidos/medula óssea e pacientes oncológicos de 9 a 45 anos

    Contudo, pode ser indicada individualmente por um médico, durante uma consulta, de acordo com a condição de cada paciente.

    Por outro lado, a vacina HPV nonavalente está disponível para homens e mulheres de 9 a 45 anos de idade na rede privada.

    Adultos podem tomar a vacina HPV?

    Em bula, a vacinação é prevista para o público até os 45 anos e, eventualmente para casos individualizados, como é o de pacientes imunodeprimidos, por exemplo. Portanto, os adultos podem tomar a vacina do HPV.

    Com pedido médico, a vacina pode ser realizada acima de 45 anos como off label.

    Portanto, se você tem mais de 45 anos e deseja tomar a vacina HPV, converse com o seu médico.

    De qualquer forma, é na infância e início da adolescência que a vacina já deveria ser aplicada, seguindo o calendário do Ministério da Saúde, pois o ideal é prevenir a infecção do HPV que, em geral, ocorre quando as pessoas iniciam a vida sexual.

    Agendar vacina

    Quais são os tipos de HPV que podem causar câncer?

    Os tipos 16, 18, 31, 33, 45, 52 e 58. Juntos, os tipos 16 e 18 representam 70% dos casos de câncer do colo do útero.

    Já os 7 sorotipos 16, 18, 31, 33, 45, 52 e 58 são responsáveis por 90% dos casos de câncer do colo do útero.

    Quantas doses da vacina HPV devo tomar?

    A vacina HPV deve ser aplicada no mínimo em duas doses. No entanto, os dois esquemas variam segundo a idade e se a pessoa possui uma condição de imunossupressão.

    • Meninas e meninos entre 9 e 19 anos: duas doses com seis meses de intervalo.
    • A partir dos 20 anos de idade: três doses com intervalo de dois e seis meses.
    • Pessoas com alguma condição de imunossupressão: três doses com intervalo de dois e seis meses.

    Quem toma vacina do HPV fica imune?

    Não em 100%. A chance de ter uma infecção após a vacina diminui, mas não zera.

    “O objetivo da vacina HPV é reduzir as chances de infecção por esse vírus, mas como tudo na medicina não é 100%”, lembra a oncologista.

    Qual a importância da vacina HPV em meninos?

    Em primeiro lugar, porque os homens são vetores, ou seja, podem transmitir doenças para as mulheres, quando iniciarem a vida sexual.

    Em segundo lugar, porque eles também podem ter câncer (de pênis, ânus e de orofaringe) e/ou verrugas genitais. “Por isso é importante vacinar os meninos. Dessa forma, bloqueamos a cadeia de transmissão para as meninas e também conseguimos atuar na prevenção de verrugas, bem como lesões malignas, como o câncer de pênis”, ressalta Mariana.

    A vacina HPV causa reações? Quais?

    As reações mais comuns são dor e vermelhidão na área da aplicação (braço), dor de cabeça e fadiga. Síncope (desmaio) após a vacinação também pode ocorrer.

    Consigo tomar a vacina do HPV pelo SUS?

    Sim. Desde que os indivíduos estejam dentro do público indicado pelo Ministério da Saúde, ou seja: jovens entre 9 e 14 anos e imunossuprimidos. Fora dessas categorias, só é possível encontrar a vacina na rede particular.

    Vacina HPV nonavalente: preço e onde tomar?

    No Nav Dasa, você pode escolher o melhor dia e horário para agendar a sua vacina, além de optar pelo laboratório mais perto da sua casa. Consulte o preço da vacina HPV Nonavalente abaixo.

    Simbolo Dolar

    Preço da vacina e onde tomar

    Mulher aplicando vacina
    Encontrou a informação que procurava?
    nav-banner

    Veja também